Biologia dos Cupins

O cupim chega de mansinho em sua época de acasalamento (a revoada) para formar colônias. Nem sempre é percebido pelos donos do ambiente e a sua destruição demora anos para se desenvolver. Por isso é chamado de praga silenciosa.

Há mais de 2.800 espécies de cupins catalogadas no mundo. Já no Brasil existem em torno de 350 cupins, vamos citar alguns abaixo:

– Cupim arbóreo: é um grande problema para o reflorestamento e para o cultivo do eucalipto, pois a intervenção do ser humano diminui as fontes naturais de alimento. Por conta deste fato, este inseto também passou a atacar áreas urbanas. 

Seu habitat são áreas rodeada de matas, caatingas e cerrados. Se infestam ambientes internos, seu ninho pode ser encontrado fora, em árvores.

– Cupim subterrâneo: constroem suas colônias preferencialmente no solo, em local subterrâneo, pois dependem da umidade para se desenvolver. A população das colônias do cupim subterrâneo é enorme, podendo até chegar a milhões de indivíduos. As condições ideais destes espaços são favoráveis ao seu desenvolvimento e infestação, como, escuridão, má ventilação, inviolabilidade e temperatura. 

– Cupim de madeira seca: é a principal espécie de cupim no meio urbano e intradomiciliar. Ataca principalmente móveis e componentes de edificações como rodapés, portas e portais, telhados, janelas e pode chegar a destruir até outros objetos como livros e papéis.
As colônias dos cupins de madeira seca, por seu tamanho reduzido, são capazes de viver até em pequenos objetos, o que facilita o transporte e a introdução desses insetos em regiões distantes do local de origem.

CONHEÇA NOSSOS SERVIÇOS

Desentupidora

SEGMENTOS DE ATUAÇÃO

CLIENTES PARCEIROS

LEGISLAÇÃO CONTROLE DE PRAGAS

RDC N.º 622, de 9 de março de 2022.
A Resolução nº 622/2022 define diretrizes para empresas de controle de vetores e pragas urbanas, visando garantir a qualidade do serviço, proteger a saúde e o meio ambiente, e promover o cumprimento de boas práticas operacionais.

RDC N.º 622, de 9 de março de 2022.

Esta Resolução possui o objetivo de estabelecer diretrizes, definições e condições gerais para o funcionamento das empresas especializadas na prestação de serviço de controle de vetores e pragas urbanas!
Visa o cumprimento das boas práticas operacionais, a fim de garantir a qualidade e segurança do serviço prestado e minimizar o impacto ao meio ambiente, à saúde do consumidor e do aplicador de produtos saneantes desinfetantes.

Tire suas dúvidas

Converse agora com um especialista!

Obrigado. Sua mensagem foi recebida com sucesso, em breve entraremos em contato.

Obrigado. Sua mensagem foi recebida com sucesso, em breve entraremos em contato.

PROBLEMAS COM PRAGAS ?

SOLICITE UM ORÇAMENTO SEM COMPROMISSO

Abrir bate-papo
1
Fale com um especialista.
Escanear o código
Podemos ajudar?